Páginas

quinta-feira, 30 de abril de 2009

Adote uma linha de código!

Recentemente, apresentei uma palestra sobre Modelos de Negócios baseados em Software Livre, na qual tento mostrar diversas formas para obter receita, mesmo produzindo softwares livres.

Hoje, surpreendi-me com um modelo inusitado: a adoção voluntária de uma linha de código.

No mesmo modelo de campanhas do tipo "adote um aluno", ou "adote uma árvore", que pedem uma doação mensal para custear o desenvolvimento de uma determinada ação, essa campanha, lançada pela equipe de desenvolvimento do Miro (um player para vídeos online) pede que você adote uma linha de código.


Ao adotar uma linha de código, no valor de $4,00 por mês por cada linha, você recebe um certificado de adoção, tem o seu nome incluído nos créditos do aplicativo, e pode até visualizar e acompanhar a evolução da linha que você adotou.

A princípio, essa parece ser uma ideia absurda, afinal, quem é que vai pagar $4,00 por mês, para entrar nessa??? A resposta é simples: para cidadãos americanos, a doação é 100% dedutível do imposto de renda, daí, faz todo o sentido: se você vai ter mesmo que pagar aquele valor, então que seja para algo do seu interesse!

Ainda não dá pra saber se esse modelo vai funcionar ou não, mas a proposta é interessante, principalmente para empresas (pessoas jurídicas) que tenham interesse no desenvolvimento dessa software. É uma forma de direcionar a aplicação do seu imposto para um fim que lhe seja útil, ou interessante - portanto, pode ser uma forma de investimento.

Será que a legislação brasileira permitiria algo assim???

3 comentários:

leadernux disse...

Vou lançar um projeto agora, "Projeto KinuX: Adote um desenvolvedor" =P

Renan Fernandes disse...

@leadernux, precisando de um dev? to disponivel :)

Anônimo disse...

Só tem trouxa!!!! Vida Longa a Microsoft!!!!!

Postar um comentário

Artigos mais recentes:

Artigos mais lidos:

.